O ponteiro do relógio irá marcar 19h30. No mesmo instante, as instrumentais deverão soar e consumar o arranque de mais uma Temporada de Música Clássica de Maputo. O evento produzido pela Associação Kulunguana e em parceria com o Conselho Municipal de Maputo, vai decorrer no Centro Cultural da Universidade Eduardo Mondlane, na capital do país, e estará aberto gratuitamente ao público. Este, celebra os 130 anos da Cidade de Maputo e será de entrada gratuíta.
Na abertura da primeira série da presente Temporada de Música Clássica de Maputo vários sons serão escutados, como “Eine Kleine Nachtmusik”, de W. A. Mozart; “Concerto para dois violinos e cordas em lá menor”, de A. Vivald; “Cidade menina”, de Hortêncio Langa/Mia Couto entre outros.
E porque o projecto Xiquitsi é uma escola, os alunos Estevão Chissano, Yannick Jafar e António Nhancale farão parte da festa com notoriedade. O primeiro empenhado com a sua oração e os últimos com violino na mão. Nada que aconteça isolado, pois as performances de Xixel Langa (voz), Kika Materula (direcção orquestral), Carlos Pereira (direcção coral), Orquestra e Coro Xiquitsi, os grupos Santa Cecília – Almas em Coro, Sociedade Presbiteriana dos Jovens do Khovo e Coro Juvenil Maria Rivier também serão apreciadas no palco.